Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Robô Curiosity recolhe primeira amostra de uma rocha marciana

As amostras de rochas foram extraídas de um buraco de 1,6 centímetro de diâmetro e de 6,4 centímetros de profundidade e podem dar indícios sobre ambientes que foram úmidos há muito tempo no planeta

Por Da Redação - Atualizado em 6 maio 2016, 16h23 - Publicado em 9 fev 2013, 21h23

O robô Curiosity utilizou pela primeira vez sua furadeira para perfurar uma rocha do planeta Marte, retirar uma mostra dela e analisá-la, anunciou a Nasa neste sábado. Segundo John Grunsfeld, responsável pela missão, trata-se do “feito mais importante” desde a chegada do Curiosity a Marte.

A Nasa estima que as amostras de rochas, extraídas de um buraco de 1,6 centímetro de diâmetro e de 6,4 centímetros de profundidade, darão indícios sobre ambientes que foram úmidos há muito tempo no planeta.

Para estar em condições de realizar a perfuração em Marte, a Nasa disse ter fabricado oito perfuradores e ter perfurado mais de 1.200 vezes 20 tipos de rocha na Terra.

Nos próximos dias, os controladores da Nasa vão transferir a amostra para um dispositivo de análise dentro do robô.

Publicidade

O Curiosity é o robô mais sofisticado enviado a Marte, contando com seis rodas e 10 instrumentos científicos, e realiza uma missão de dois anos para determinar se existiu vida microbiana em Marte.

(Com Agência France Presse)

Publicidade