Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Ondas de rádio são detectadas a anos-luz da Terra

Cientistas descobriram sinal de origem desconhecida em uma constelação longe daqui

Por Sabrina Brito 17 dez 2020, 13h26

Um artigo publicado no último dia 16 no periódico científico Astronomy & Astrophysics revelou a recepção daquela que pode ser a primeira emissão de ondas de rádio já detectada fora do nosso sistema solar. O sinal teria vindo da constelação Boötes, localizada no hemisfério celestial norte.

Boötes contém uma estrela e um planeta, do qual a emissão teria vindo, de acordo com a análise dos pesquisadores. Se confirmada, a detecção da onda pode abrir as portas para uma nova era de exploração de mundos longe dos nossos, a anos-luz de distância.

O planeta em questão é comparado pelos especialistas a Júpiter, embora seja muito mais quente do que ele, devido ao fato de ambos serem gigantes de gás. Ele está localizado a 51 anos-luz da Terra e emitiu, segundo os cientistas, uma assinatura de rádio significativa. A origem do sinal é desconhecida.

Além disso, o artigo salienta observações acerca do campo magnético do planeta. Esse campo pode contribuir para a habitabilidade de determinado planeta, uma vez que tem o poder de proteger a atmosfera de raios cósmicos e do vento solar.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade