Clique e assine a partir de 8,90/mês

Nave Soyuz embarca rumo à ISS com tripulação internacional

Uma indiano-americana, um russo e um japonês integram a missão na Estação Espacial Internacional

Por Da Redação - Atualizado em 6 Maio 2016, 16h30 - Publicado em 15 jul 2012, 09h16

A nave espacial russa Soyuz TMA-05M foi lançada neste domingo do Cazaquistão em direção à ISS (sigla em inglês para Estação Espacial Internacional), com uma tripulação internacional. Eles devem chegar na estação nesta terça-feira.

Formada pela indiano-americana Sunita Williams, o japonês Akihito Hoshide e o russo Yury Malenchenko, a tripulação deverá dar continuidade a cerca de 40 experimentos já em curso na estação. Eles também farão caminhadas espaciais e receberão três cargueiros russos Progress e um japonês HTV.

Nave espacial russa Soyuz TMA-05M

Essa é a 32ª tripulação a tripular a Soyuz. Eles vão se reunir na ISS com os russos Guennadi Padalka e Serguei Revin e com o astronauta da Nasa Joseph Acaba, que decolaram, também na Soyuz, em maio.

Após a chegada e adaptação,Sunita deverá exercer a função de engenheira de voo até setembro, quando substituirá Padalka como comandante. Ela será a segunda mulher a assumir o comando da Estação – a primeira foi Peggy Whitso, também americana.

A Rússia é o único país capaz de levar astronautas à estação internacional desde que o último ônibus espacial americano se aposentou. Mas não sem contratempos. Em pouco mais de um ano, os russos sofreram uma série de falhas no setor espacial e perderam vários satélites e outros equipamentos, entre eles uma nave de transporte de mercadorias que iria abastecer a ISS.

(Com agências France-Presse e EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade