Clique e assine com até 92% de desconto

Nasa coloca a Terra para adoção – e pede sua ajuda

Em campanha para o Dia da Terra, agência espacial americana permite que as pessoas ‘adotem’ um pedaço do planeta

Por Da redação 13 abr 2017, 12h08

Como parte de uma campanha para o Dia da Terra, celebrado em 22 de abril, a Nasa acaba de colocar o planeta para ‘adoção’. Qualquer pessoa pode ‘adotar’ virtualmente um dos 64 000 pequenos pedaços da Terra disponíveis. O ‘pai’ ou ‘mãe’ recebe informações sobre a área designada, como suas coordenadas, média de temperatura, tipo de vegetação e detalhes atmosféricos. O objetivo da ação é conscientizar a população da necessidade de cuidar do mundo, em função das mudanças climáticas e seu impacto nos ecossistemas.

Os pedaços de terra (ou mar) possuem cerca de 88 quilômetros e são designados aos voluntários aleatoriamente. Os novos ‘pais’ também podem ver imagens reais da localização recém-adotada, fornecidas pelos satélites da Nasa. No entanto, a agência espacial esclarece que os voluntários não têm direitos legais sobre aqueles espaços, ou seja, não ganham nenhum título de posse com validade oficial.

  • Para ganhar seu próprio pedacinho da Terra, os voluntários devem acessar o portal da campanha, Adopt the Planet (Adote o Planeta, em português), e se inscrever colocando o nome na caixa sinalizada. Quando todos as localizações disponíveis forem destinadas a alguém – o que a Nasa espera acontecer até o Dia da Terra – a contagem zera, para mais pessoas poderem participar.

    Além de aprender mais sobre o espaço adotado, é possível explorar o resto do mundo, como a residência de uma pessoa ou pontos turísticos. A ferramenta Worldview fornece informações sobre qualquer ponto do globo, da altura das nuvens mais próximas à umidade relativa do ar.

    Continua após a publicidade
    Publicidade