Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Lagartixas ficam à deriva no espaço

Sala de controle russa perdeu contato com satélite Foton-M4, que levava répteis

A Rússia perdeu contato nesta quinta-feira com um satélite transportando lagartixas enviadas ao espaço para serem usadas em experimentos científicos de microgravidade, informou em comunicado a agência espacial russa Roscosmos.

A missão monitora por vídeo os efeitos da microgravidade sobre o organismo e o comportamento sexual das lagartixas. Outros experimentos biológicos estão em andamento no veículo, entre eles pesquisas com cogumelos e drosófilas (espécie de pequenas moscas).

Leia também:

Nave Soyuz se acopla à ISS em tempo recorde

Astronautas pousam em segurança no Cazaquistão

Se a comunicação não for restabelecida, o satélite e sua tripulação réptil podem ficar à deriva no espaço e cair da órbita em alguns meses, informou uma fonte à Interfax. Segundo a agência, as quatro fêmeas e o macho a bordo morreriam de fome em até dois meses e meio.

(Com agência France-Presse)