Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Início de julho tem madrugadas que podem chegar a 2°C em SP

O Estado deve ainda registrar geadas, tempo nublado e queda acentuada de temperatura. Na capital, as temperaturas não devem passar dos 18°C

A semana começa com tempo frio e madrugadas geladas no Estado de São Paulo, segundo alertas emitidos pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) no fim de semana. De acordo com o órgão, ar frio e baixa umidade devem reduzir significativamente as temperaturas no início da semana, que devem chegar a 2°C na terça-feira, com previsão de geada na Serra da Mantiqueira. Durante a semana, as temperaturas mínimas ficam em 4°C e, durante o dia, as máximas podem chegar aos 24°C, com tempo parcialmente nublado e chuviscos ocasionais.

O frio é causado pela influência de uma forte massa de ar seco, de origem polar, no oceano. Com isso, sobre o continente surge um sistema de alta pressão e baixa umidade, que reduzem significativamente as temperaturas. Nesta segunda-feira, os termômetros podem marcar até 5°C a menos que as médias históricas registradas, segundo o Inmet. A previsão é que o dia permaneça nublado com chuviscos isolados em todo o Estado. O Sol pode aparecer entre nuvens no Leste e, nas demais regiões, o dia deve ser ensolarado com poucas nuvens e baixas temperaturas.

De acordo com as previsões do Climatempo, a temperatura sobe pouco no decorrer do dia e a segunda-feira será fria especialmente no litoral e Leste do Estado. A umidade do ar deve continuar baixa no período da tarde, especialmente na região de Ribeirão Preto onde pode ficar abaixo dos 20%.

Na capital, as temperaturas mínimas devem ficar em 7°C nesta terça e quarta-feira e as máximas não devem ultrapassar os 20°C. Nesta segunda-feira, a previsão do Inmet é de máxima de 18°C, com tempo nublado e alguns chuviscos.

No último domingo, São Paulo registrou a tarde mais fria do ano. A temperatura média máxima foi de 16°C, menor que os 16,2°C registrados em 28 de abril, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura de São Paulo. Segundo o órgão, as temperaturas devem continuar caindo na capital, com máxima de 17°C nesta segunda-feira e 19°C na terça-feira.

Frentes frias

Segundo o Grupo de Trabalho em Previsão Climática Sazonal (GTPCS) do Ministério da Ciência e Tecnologia até setembro o Brasil deve ter dias bastante frios, especialmente nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. As entradas de frentes frias vindas da Antártica no território brasileiro serão as responsáveis por derrubar as temperaturas.

“Quando entra uma frente fria, as temperaturas caem bastante. E elas vão se manter baixas enquanto esse sistema de ar polar estiver em uma região. Em um dia pode ficar mais frio, mas, no acumulado do período, a tendência é que a temperatura apresente um valor na média ou acima da média histórica”, explica Renata Tedeschi., do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/Inpe). “O frio do inverno atinge essas três regiões. No Norte e Nordeste, é mais fria quando acontece o período chuvoso.”