Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Impactos no Golfo do México durarão uma década, diz pesquisa

Camada de óleo e restos de animais em decomposição no fundo do mar chega a dez centímetros

“Vermes invertebrados e corais foram impactados de forma substancial – e com ‘impactados’ eu quero dizer ‘essencialmente mortos'”

Pesquisadora Samantha Joye, da Universidade da Geórgia, nos Estados Unidos

Excursões científicas ao fundo do mar no Golfo do México, quase um ano depois do vazamento de petróleo que matou 11 pessoas e atingiu com severidade o habitat da região, revelaram uma camada de até 10 centímetros feita de óleo e restos de animais em decomposição. Segundo cientistas da Universidade da Geórgia, nos Estados Unidos, os impactos sobre o ecossistema durarão dez anos.

A opinião da líder do estudo, pesquisadora Samantha Joye, contraria a tese defendida pelo fundo de compensação da British Petroleum (BP), empresa responsável pelo vazamento de milhões de barris de petróleo no mar em abril de 2011. Para o fundo, o ecossistema local vai se recuperar até 2012 e seu pacote de ajuda de 20 bilhões de dólares será o suficiente para indenizar a população local – o que inclui, principalmente, aqueles que vivem da pesca. “Acredito que o Golfo vá se recuperar, mas não em 2012. Nessa data é que começaremos a ver realmente os impactos causados pelo derramamento”, defende Samantha.

“O impacto sobre a fauna e a flora foi devastador”, disse Samantha à BBC britânica. “Vermes invertebrados e corais foram impactados de forma substancial – e por ‘impactados’ eu quero dizer ‘essencialmente mortos’. Outro ponto crítico são os comedores de detritos – eu não vi um único pepino do mar vivo em qualquer uma das nossas sondas submarinas, por exemplo. E, normalmente, eles estão presentes em todos os lugares”, completa. Esses organismos, explica a cientista, ajudam a oxigenar os oceanos e estimulam a atividade de microorganismos – duas funções indispensáveis para o ecossistema local e que terão impactos sérios sobre todas as espécies, inclusive aquelas importantes para a atividade pesqueira.