Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Homem viajará em foguete caseiro para provar que a Terra é plana

O americano Mike Hughes, que trabalha como motorista de limusines, pretende subir a 549 metros de altura para tirar uma foto do nosso planeta neste sábado

Mike Hughes, um americano de 61 anos, acredita que astronautas e agências espaciais estão conspirando para convencer o mundo de que a Terra é redonda. E o motorista de limusines (e cientista amador nas horas vagas) está disposto a ir longe para provar sua teoria – mais precisamente, 549 metros acima do solo, com um foguete que ele mesmo fabricou a partir de sucata. O voo está marcado para este sábado e o objetivo é claro: ver com os próprios olhos a verdade e, ainda, tirar uma foto para provar que nosso planeta, ao contrário do que todos os cientistas e instituição de pesquisas renomadas afirmam, é plano.

Hughes sabe que voar 1,6 quilômetro em um veículo caseiro a mais de 805 quilômetros por hora pode parecer perigoso, mas é por um motivo maior. “Isso vai fechar a porta dessa história de Terra redonda”, disse em um vídeo produzido por um grupo de terra-planistas, chamado The Daily Plane, para arrecadar fundos. Ao todo, seu projeto custou 20.000 dólares (65.000 reais) – valor que inclui, além do foguete, o “traje espacial” que construiu.

Na entrevista, Hughes também afirma que a Nasa está sendo controlada e que Elon Musk, CEO da companhia espacial SpaceX, está fabricando foguetes falsos. “Eles ainda não enviaram um homem ao espaço”, diz. “Existem vinte agências espaciais aqui nos Estados Unidos e eu sou a última pessoa que colocou um homem em um foguete e a lançou.”

Esse último lançamento a que Hughes se refere ocorreu em 2014, quando ele entrou em outro foguete caseiro e percorreu 400 metros em uma vila chamada Winkelman, no Estado do Arizona. O problema é que a distância é apenas um quarto daquela que Hughes pretende percorrer no sábado e, mesmo assim, o voo já não terminou muito bem – o vídeo mostra imagens do americano sendo arrastado no solo e depois saindo do foguete destruído. Como ele mesmo conta, saiu tão machucado que teve de andar de muletas por duas semanas.

“Se você não tem medo da morte, você é um idiota”, disse Hughes em entrevista à Associated Press. “É muito assustador, mas nenhum de nós vai sair do mundo vivo. Eu gosto de fazer coisas extraordinárias que ninguém mais pode fazer, e ninguém na história da humanidade projetou, construiu e se lançou em seu próprio foguete. Sou um reality show ambulante.”

Além disso, Hughes afirma com convicção que não acredita na ciência. “Eu sei sobre aerodinâmica e a dinâmica de fluidos e como as coisas se movem através do ar, sobre o tamanho de bocais de foguete e sobre impulso. Mas isso não é ciência, é apenas uma fórmula. Não há diferença entre ciência e ficção científica”, resume.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Fernando Branco

    549 metros de altitude? Isso é menos do que muito morro por aí.

    Curtir

  2. bobpeh2 brasil sempre

    CANSOU DE VIVER NA PRÓPRIA ILUSÃO DOS IGNORANTES RELIGIOSOS. VAI SE MATAR DE FORMA CONHECIDA.

    Curtir

  3. 549 metros? Aposto que será o recorde de altitude para a estupidez humana.

    Curtir

  4. Com 65000 reais eu daria a volta no globo terrestre de avião.

    Curtir

  5. Puxa vida, é o marido perfeito pra Dilma.
    Vamos marcar este casamento, com urgência.
    E este vôo de sábado (pra Dilma é ‘çábado’) será a viagem de núpcias mais chocante da história humana e de mulheres sapiens.

    Curtir

  6. ViP Berbigao

    Pára tudo, peloamordedeus!!! 549 metros? Um avião comercial voa a 11.000 metros de altitude… compra uma passagem só de ida para qualquer lugar maluko!!! De preferencia pra Korea do Norte!!! Lá tu vai ter emprego de testador de missil do Kim !!! kkk

    Curtir

  7. Antonio Bragança Martins

    Vai morrer pra deixar de ser burro!

    Curtir

  8. A cabeça desse sujeito é que deve ser plana. Impressionante como a falta de discernimento de alguém pode provocar as mais absurdas conclusões.

    Curtir