Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

GM mudará carro elétrico Volt para evitar risco de incêndio

Por Yoshikazu Tsuno Atualizado em 6 Maio 2016, 16h49 - Publicado em 5 jan 2012, 16h32

A fabricante automotiva americana General Motors anunciou nesta quinta-feira que modificará o sistema de resfriamento das baterias de seu carro elétrico Volt, com a finalidade de minimizar os riscos de incêndio evocados em novembro pela agência de segurança rodoviária (NHTSA).

“A GM anunciou hoje (quinta-feira) melhorias na estrutura do veículo e do sistema de resfriamento da bateria do Chevrolet Volt, que dará uma proteção adicional contra riscos de incêndio elétrico na bateria vários dias ou semanas após um acidente grave”, informou a companhia em um comunicado.

“Os clientes serão contatados individualmente quando for possível fazer a modificação em seus carros”, avaliou a General Motors.

A NHTSA anunciou no fim de novembro o lançamento de uma investigação oficial sobre os riscos de incêndio da bateria do Volt, apesar de não ter havido queixas dos clientes.

A investigação foi iniciada depois que uma bateria de lítio danificada durante um teste de resistência a choques em um Volt pegasse fogo três semanas após um acidente simulado.

Continua após a publicidade
Publicidade