Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Fóssil de dinossauro que inspirou Jurassic Park vai a leilão

Esqueleto mais completo do deinonico é muito cobiçado por sua raridade e estado de preservação dos ossos e pode arrecadar até US$ 6 milhões

Por André Sollitto 5 Maio 2022, 15h30

O mais completo esqueleto de um deinonico, dinossauro que inspirou a criação de “Jurassic Park”, será leiloado pela casa Christie’s ao longo do mês de maio e a expectativa é que ele seja arrematado por cerca de US$ 6 milhões. “Hector”, como foi apelidado o fóssil, tem aproximadamente 126 ossos, além de algumas partes reconstruídas com impressoras 3D.

O espécime foi descoberto em Wolf Creek Canyon, em Montana, nos Estados Unidos, em 2014. Arqueólogos acreditam que esses animais viveram no período conhecido como Cretáceo Inferior, entre 115 e 108 milhões de anos atrás. É o único fóssil dessa espécie em uma coleção particular. Há apenas outros dois conjuntos conhecidos, ambos em coleções de museus.

Os deinonicos serviram de inspiração para Michael Crichton (1942-2008), autor do livro “Jurassic Park”. Na obra, assim como na adaptação cinematográfica, eles são apresentados como velociraptores. Mas estes, na realidade, são uma espécie completamente diferente, bem menos agressiva e do tamanho de perus, de acordo com especialistas. Além disso, os deinonicos tinham plumas e penas, mas nada disso é retratado nos filmes.

O paleontólogo americano John H. Ostrom foi o primeiro a descobrir os deinonicos, em 1964. O nome significa “garra terrível”, uma referência às garras afiadas nas patas traseiras. Acredita-se que eles se alimentavam de outros dinossauros herbívoros e caçam sozinhos, ao contrário do que aparece na popular franquia de cinema. As alterações feitas por Crichton, incluindo os hábitos de caça e a alteração no nome, foram feitas para dar maior dramaticidade à história.

Neste momento, Hector está em exposição na casa de leilões, em Nova York, antes de ser finalmente arrematado no dia 12 de maio.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês