Clique e assine a partir de 8,90/mês

Fêmur gigante de dinossauro é descoberto na Espanha

Osso tem quase dois metros de comprimento

Por Da Redação - Atualizado em 6 Maio 2016, 17h14 - Publicado em 24 set 2010, 13h32

O fêmur pode ter pertencido a um dinossauro gigante de 40 toneladas e 30 metros de comprimento chamado Turiasaurus riodevensis

Um fóssil de fêmur de dinossauro de cerca de dois metros, o maior já descoberto até agora na Europa, foi encontrado numa escavação de Riodeva, perto de Teruel (leste da Espanha), anunciou nesta sexta-feira a Fundação Dinópolis. Segundo a fundação, foi localizado um fêmur esquerdo de 1,92 metro de extensão, junto a uma tíbia de 1,25 metro e 15 vértebras.

Os ossos podem ter pertencido a um dinossauro gigante de 40 toneladas e 30 metros de comprimento, o Turiasaurus riodevensis, descoberto em 2004 na mesma escavação, explicou a fundação, em um comunicado.

Estes novos fósseis, acrescentados aos já encontrados desde 2004, permitirão reconstruir o conjunto do esqueleto deste saurópode que viveu há 145 milhões de anos.

Este anúncio chega duas semanas depois da descoberta, na mesma região da Espanha, de um novo tipo de dinossauro com corcunda e provavelmente dotado de “proto-plumas” nos antebraços (filamentos rígidos considerados predecessores das plumas), o Concavenator corcovatus.

Este último fóssil praticamente completo e único no mundo de um dinossauro carnívoro de 6 metros de comprimento foi descoberto na escavação de Los Hoyos (La Cierva) perto de Cuenca (leste da Espanha) por pesquisadores da Universidad Autônoma de Madri, que publicaram sua descoberta na revista Nature, em 8 de setembro.

(Com Agência France Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade