Clique e assine a partir de 9,90/mês

Céu nublado prejudica a visão do eclipse nesta madrugada

Segundo especialistas, a maior parte do país vai enfrentar dificuldades para observar o fenômeno. Região Sul tem a melhor previsão

Por Juliana Santos - Atualizado em 6 Maio 2016, 16h12 - Publicado em 14 abr 2014, 18h10

O aguardado eclipse total da Lua ocorrerá na madrugada desta segunda para terça-feira. Embora ele possa ser visto a olho nu em todo o continente americano (no resto do planeta será dia, o que impossibilita a observação do fenômeno), a condição climática prevista para esta noite deve atrapalhar os planos dos brasileiros – em boa parte do território nacional, a previsão é de céu total ou parcialmente nublado. A exceção é a região Sul, onde a previsão é de boa visibilidade. “Mesmo que o céu esteja apenas parcialmente nublado, e não totalmente, será difícil notar o tom avermelhado na Lua”, afirma Josina Nascimento, astrônoma do Observatório Nacional, no Rio de Janeiro.

Quem pretende acordar de madrugada para observar o fenômeno pode precisar de um pouco de paciência. “Como o eclipse lunar acontece durante um período longo, das 3h da manhã até quase o amanhecer, pode ser que o céu abra um pouco durante algum momento, permitindo uma janela de observação”, afirma o astrônomo Marcos Calil, coordenador científico do planetário de Santo André e consultor da Climatempo. Instrumentos como binóculos ou telescópios, amadores ou profissionais, não ajudam em caso de céu nublado.

Calil vai transmitir ao vivo o eclipse, de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, com uma webcam acoplada a seu telescópio, a partir da 1h45 (horário de Brasília), por meio deste link. Caso o céu de São Paulo não permita a visualização, o astrônomo vai procurar transmissões de outros observatórios, que podem ter boa visibilidade.

Leia também:

Prepare-se para o eclipse total da Lua, que ocorre na próxima semana

Entenda por que o eclipse desta noite é apelidado de ‘Lua de sangue’

Para (tentar) ver – A partir das 2h58 (horário de Brasília), a Lua começa a adentrar a umbra, parte central e mais escura da sombra da Terra, e poderá ser vista “sumindo”. Essa etapa será concluída às 4h06 da manhã, quando a Lua estará totalmente encoberta pela umbra. Ela permanecerá assim por mais de uma hora, e começará a sair da sombra às 5h24, reaparecendo no céu.

Para quem não conseguir ver o fenômeno dessa vez, uma nova oportunidade não está muito distante: o próximo eclipse total da Lua com boa visibilidade no Brasil será em setembro de 2015.

Continua após a publicidade
Publicidade