Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Tumor de Alencar voltou a crescer, diz médico

Por Da Redação 3 jan 2011, 16h55

O câncer que afeta o ex-vice-presidente da República José Alencar voltou a crescer, segundo informou nesta segunda-feira o oncologista do Hospital Sírio-Libanês Paulo Hoff. “Ele está há dois meses sem tratamento, é natural”, disse o médico que integra a equipe que cuida de Alencar. O médico não quantificou o crescimento do tumor.

De acordo com boletim divulgado pelo hospital, Alencar realizou exames de ressonância magnética e tomografia computadorizada nesta segunda-feira. Ele vai reiniciar o tratamento de quimioterapia na terça-feira. De acordo com o hospital,o ex-vice apresenta-se estável.

No dia 22 de dezembro, Alencar foi internado às pressas no hospital por conta de uma hemorragia digestiva, responsável pela interrupção das sessões de quimioterapia. O ex-vice-presidente luta contra o câncer há mais de uma década e já fez 17 cirurgias.

(Com Agência Estado)

Continua após a publicidade

Publicidade