Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Toffoli surpreendeu com capacidade de antecipar problemas, diz Bolsonaro

Após encerrar mandato de dois anos na presidência do STF, Toffoli será substituído nesta quinta-feira pelo ministro Luiz Fux

Por Da Redação Atualizado em 9 set 2020, 21h30 - Publicado em 9 set 2020, 21h13

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, participou nesta quarta-feira, 9, da última sessão no comando da Corte. Após encerrar mandato de dois anos, Toffoli será substituído amanhã (10) pelo ministro Luiz Fux . A posse está marcada para as 16h.

Durante a sessão, Toffoli recebeu homenagens dos colegas da Corte, da Procuradoria-Geral da República (PGR) e de outras entidades. A homenagem foi acompanhada pelo presidente Jair Bolsonaro, pelos ministros da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, e da Secretaria-Geral da Presidência, Jorge Oliveira, e pelo o advogado-geral da União, José Levi do Amaral.

Bolsonaro, que apareceu de surpresa no evento, cumprimentou Toffoli pela condução da Corte baseada na harmonia e no diálogo durante momentos difíceis do país.

Para Bolsonaro, Dias Toffoli “surpreendeu” o governo com a capacidade de se antecipar a problemas no comando da corte, que chamou de “verdadeiro santuário para a Justiça brasileira”, e exaltou a “harmonia, diálogo e o entendimento em momentos difíceis”. “Dizer que, em muitos momentos, o chefe do Executivo procurou o Supremo Tribunal Federal, por muitas vezes, em decisões monocráticas, Vossa Excelência muitas vezes nos atendeu. Em outro momento, até nos surpreendeu com a sua capacidade de se antecipar a problemas e apresentar solução antes mesmo que eu procurasse”, completou o presidente, que, antes do discurso, estava sentado na plateia do plenário e fez o pronunciamento em uma cadeira à direita do presidente do STF.

No discurso de despedida, Toffoli defendeu a manutenção do diálogo entre as instituições para construção de uma sociedade mais igualitária e na defesa do regime democrático.

Continua após a publicidade

“Tudo o que fiz foi nesses dois anos foi buscando a concretização da essência da Constituição de 1988, nosso pacto fundante, que são os objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil. Isso é uma obrigação de todos nós que estamos à frente do Judiciário, do Executivo e do Legislativo”, afirmou.

O ministro Alexandre de Moraes elogiou a capacidade administrativa e de gestão de Toffoli e disse que o presidente demonstrou coragem por ter defendido da Corte de ameaças externas contra a instituição e os integrantes do tribunal. “Sabemos o quanto o STF foi ameaçado, o quanto os ministros do STF foram ameaçados, o quanto familiares de ministros foram ameaçados. Mas nós tínhamos o instrumento na mão. Esse instrumento que permitiu, dentro das regras da Constituição, do Estado de Direito e da democracia, uma reação rápida desta Corte. Esse instrumento só possível graças à coragem de Vossa Excelência”, disse Moraes.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou que Toffoli deu sua contribuição para o sistema de justiça, garantindo a prestação dos serviços para a população. “Minhas felicitações e a expressão de minha admiração e respeito por Vossa Excelência pela brilhante passagem na presidência desta Corte, em que se viu o aperfeiçoamento do Judiciário brasileiro, a despeito de todos percalços econômicos e epidemiológicos”, declarou.

O advogado-geral da União, José Levi do Amaral, disse que Dias Toffoli levou o STF a exercer o papel moderador que uma Suprema Corte deve ter em uma democracia. “Vossa Excelência assumiu a presidência em momento sensível na vida nacional, conduzindo o STF com prudência, serenidade e sabedoria para evitar e decantar eventuais entrechoques”, disse.

Com Agência Brasil

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês