Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Temporais afetam 48 cidades do Paraná

Mais de 59 000 pessoas sofrem com as consequências das chuvas e 12 000 residências foram danificadas; 23 pessoas ficaram feridas

Por Da Redação 24 set 2013, 19h34

Chuvas intensas, vendavais e queda de granizo afetaram a vida de mais de 59 000 pessoas em 48 municípios do Paraná, incluindo a capital Curitiba, nos últimos quatro dias. O balanço foi divulgado nesta terça-feira pela Defesa Civil do estado. Sete cidades decretaram situação de emergência: Corbélia, Marquinho, Nova Prata do Iguaçu, Realeza, São João, Salto do Lontra e Verê.

Mais de 5 000 pessoas foram obrigadas a abandonar as suas casas. Cinco residências ficaram totalmente destruídas e mais de 12 000 foram danificadas. As tempestades também comprometeram parte do fornecimento de energia em cinco cidades do estado: Londrina, Coronel Vivida, Guaramaçu, Iporã e Santo Antonio do Sudoeste.

Em Curitiba, alagamentos deixaram vinte pessoas desalojadas e dez desabrigados. Londrina registrou ocorrência de vendavais e teve 915 desalojados.

A cidade mais atingida pelas fortes chuvas foi Corbélia, que teve 11 000 habitantes – do total de 17 000 – afetados pelos temporais. Em nota, a Defesa Civil informou que 80% das residências da cidade foram danificadas e 23 pessoas ficaram feridas. Não houve notificação de mortes.

Leia também:

Chuvas: por que o Brasil não consegue evitar essa tragédia

Chuvas já afetam 74 cidades em Santa Catarina

Continua após a publicidade
Publicidade