Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

TCE encontra remédios vencidos e mofo em unidades de saúde de SP

Corte realizou inspeção surpresa em almoxarifados de 162 municípios do estado

Uma fiscalização surpresa do Tribunal de Contas de São Paulo em 162 municípios do estado identificou uma série de irregularidades no armazenamento de medicamentos em almoxarifados de unidades de saúde pública. Em todas as cidades há algum tipo de problema.

Entre as irregularidades, foram encontrados remédios fora do prazo de validade e uso irregular de refrigeradores, onde eram guardados outros produtos junto com os medicamentos. Também foram identificadas paredes com mofo, condições de higiene inadequadas e prédios sem alvará da Vigilância Sanitária.

Veja também

O relatório da fiscalização também apontou que em 79% dos almoxarifados não há controle de demanda não atendida, o que serve para nortear a compra de medicamentos em falta. Em 63,6% dos casos também não há dados de estoque mínimo e em 22,46% dos almoxarifados fiscalizados não tinham farmacêutico responsável.

Com todos os dados coletados, o tribunal diz que o relatório permitirá ao administrador tomar conhecimento para “reparar possíveis falhas”.