Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Tarde de sábado será a mais fria do ano em São Paulo, diz Climatempo

No Rio de Janeiro, a tarde mais gelada de 2019 pode ser a deste domingo

Por Da Redação Atualizado em 3 ago 2019, 11h34 - Publicado em 3 ago 2019, 11h31

Uma forte massa de ar polar avançou sobre as regiões sul e sudeste do país nesta sexta-feira, 2, provocando quedas bruscas de temperatura em diversos estados. Em Santa Catarina, os termômetros chegaram a marcar -4ºC. Rio de Janeiro e São Paulo também registraram quedas significativas.

Na serra catarinense, ao menos 4 cidades tiveram temperaturas abaixo de 0ºC: Monte Castelo (-2,5ºC), Urubici (-2,9ºC), Urupema (-3,9ºC) e São Joaquim, que chegou a registrar -4ºC. Na cidade serrana, árvores e termômetros congelaram.

A capital paulista registrou a maior temperatura do inverno – 29,1ºC – na sexta-feira, 2, mas o clima mudou bruscamente durante a tarde. Na região do aeroporto de Congonhas, a temperatura despencou 9ºC entre 15h e 15h30.

O Climatempo avaliou que atarde do sábado, 3, pode ser com recorde de menor temperatura máxima. O recorde atual de menor máxima de 2019 é de 14,2°C, em 7 de julho, pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia no Mirante de Santana.

  • A tarde do domingo poderá ser a mais fria do ano até agora na cidade do Rio de Janeiro. Segundo o INMET, até o dia 2 de agosto, a tarde mais fria deste ano no Rio foi a do dia 17 de julho, quando a temperatura máxima foi de apenas 20,6°C. 

    De acordo com o meteorologista da Climatempo Filipe Pungirum, a previsão para domingo, 4, em São Paulo, é de temperatura entre 10 e 15ºC, e céu encoberto. Há possibilidade de chuva fraca e garoa ao longo do dia. Já a semana deve ter tempo seco com temperaturas amenas pela manhã e à noite, esquentando gradativamente nas tardes.

    (Com Estadão Conteúdo)

    Continua após a publicidade
    Publicidade