Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Strauss-Kahn visita sede do FMI e pede desculpas a funcionários

Por David Karp 29 ago 2011, 20h03

O ex-diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI) Dominique Strauss-Kahn visitou nesta segunda-feira a sede da instituição em Washington e pediu desculpas a seus funcionários, afirmou à AFP uma testemunha do encontro.

Segundo esse funcionário do fundo, Strauss-Kahn disse em três ocasiões: “vim aqui para me desculpar diante daqueles que foram prejudicados por toda essa história”, e disse lamentar que o polêmico caso tenha tido impacto negativo no FMI.

A visita do economista francês à sede central do FMI durou menos de duas horas. O funcionário descreveu a atmosfera da reunião como “muito positiva” e disse que cerca da metade do pessoal esteve presente e aplaudiu Strauss-Kahn, que se mostrou emocionado.

Segundo a testemunha, Strauss-Kahn, considerado favorito nas eleições presidenciais francesas antes de sua prisão em Nova York, disse aos funcionários do FMI que seus quatro anos à frente da instituição foram “a época mais interessante de sua carreira profissional”.

“Foram reuniões privadas, fixadas a seu pedido. Não temos mais nada a comentar”, declarou um porta-voz do FMI.

Strauss-Kahn, 62 anos, renunciou ao cargo de diretor-gerente do FMI após ser preso e acusado de agressão sexual em maio. Tinha assumido seu cargo em novembro de 2007 e até sua renúncia dedicou-se a reestruturar a instituição. Foi substituído em julho pela ex-ministra das Finanças francesa, Christine Lagarde.

Strauss-Kahn, que na semana passada foi libertado quando um juiz rejeitou as acusações de agressão sexual e tentativa de estupro contra uma camareira de hotel em Nova York, fez uma visita de despedida a seus ex-funcionários em Washington.

Os promotores disseram que não podiam continuar com o caso porque as mentiras da camareira tornaram impossível comprovar suas acusações.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)