Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Sobe para 15 número de vítimas de desabamento

Equipes de resgate já retiraram dez corpos dos escombros nesta sexta-feira; buscas por desaparecidos podem acabar antes do previsto

O Corpo de Bombeiros localizou, na noite desta sexta-feira, o 15º corpo entre os escombros dos três prédios que desabaram no centro do Rio de Janeiro na última quarta. Segundo informações da Defesa Civil, foi encontrada a parte inferior de uma pessoa, mas não foi possível identificar o sexo. Os dois últimos corpos localizados estavam na área do subsolo do Edifício Liberdade, o mais alto dos que desabaram.

Entre as vítimas encontradas até o momento estão sete homens e seis mulheres. Segundo a Polícia Civil, treze corpos estão no Instituto Médico Legal, sendo que nove já foram identificados por exames ou reconhecimento de parentes. Entre eles estão Alessandra Alves de Lima, Luiz Leandro de Vasconcellos, Elenice Consani Quedas, 64 anos, Kelly da Costa Menezes, de 28, e Flávio Porrozzi Soares, de 34.

Inicialmente, a previsão era de que os trabalhos de resgate se estenderiam até domingo. Porém, os Bombeiros afirmam que as buscas podem terminar antes do esperado. A área nas proximidades da Avenida Treze de Maio, onde se concentram dezenas de escritórios e lojas comerciais, permanece interditada.

Os bombeiros acreditam haver chegado ao ponto dos escombros onde estava a sala de informática do Edifício Liberdade. No local acontecia um curso de tecnologia da informação com pelo menos dez pessoas no hora que o prédio desabou. Na quinta-feira, os bombeiros acharam cinco corpos. Para as equipes de resgate, há poucas chances de encontrar alguém com vida.

De acordo com os Bombeiros, mais de 80% dos escombros foram vasculhados. O secretário estadual de Defesa Civil, coronel Sérgio Simões, informou que, terminadas as buscas, o trabalho de remoção dos escombros ficará a cargo da prefeitura.