Clique e assine com até 92% de desconto

SC libera mais R$ 12 mi para atingidos pelas chuvas

A Defesa Civil liberará 2 milhões de reais para a compra de mantimentos e de produtos que atendem às necessidades emergenciais da população

Por Da Redação 11 set 2011, 14h30

Os moradores e os municípios atingidos pelas chuvas que atingiram o Estado de Santa Catarina nos últimos dias vão receber mais 12 milhões de reais para compras emergenciais. Segundo a Defesa Civil, o governo do Estado liberou neste sábado, como recurso imediato, 10 milhões de reais que serão destinados para compras de emergência e limpeza das 91 cidades afetadas pelas chuvas.

Além desse valor, outros 2 milhões de reais serão liberados pela Defesa Civil Estadual para a compra de mantimentos e de produtos que atendem às necessidades emergenciais da população. Os municípios que solicitaram recursos foram: Rio do Oeste, Laurentino, São João Batista, Navegantes, Itajaí, Rio do Sul, Brusque, Apiúna e Ilhota.

Ontem foram liberado 1.805.124,20 reais para a aquisição de alimentos, água, colchões, cobertores, roupa de cama, fraldas, material de higiene e de limpeza. Os itens serão encaminhados para as regiões atingidas pela enchente. A aquisição dos produtos está sendo realizada e a distribuição em campo acontece até a quarta-feira.

Durante a ação assistencial, serão doados pela Defesa Civil Estadual 66 mil litros de água, 11.950 cestas básicas, 5.150 colchões, 5.100 cobertores, 3.100 roupas de cama, 2.500 travesseiros, 21.900 kits de limpeza, 5.320 kits de higiene e 5 mil pacotes de fralda infantil. Também serão distribuídos 2 mil pares de botas e 2 mil pares de luvas.

Deslizamentos – Dois geólogos do Ceped/UFSC viajaram a Ilhota, no Vale do Itajaí, no começo da manhã deste domingo para avaliarem o risco de deslizamento nos morros do Baú, do Braço do Baú e do Fischer. Os profissionais foram a Rio do sul para realizar a avaliação na cidade. O trabalho de avaliação do solo se deve a rachadura nos morros.

“Caso seja concluído que há o perigo de deslizamento, as casas serão interditadas imediatamente”, afirma o diretor de prevenção da Defesa Civil Estadual, major Emerson Emerim. As pessoas já foram retiradas do local e estão em abrigos na cidade ou em casas de parentes.

No estado – Segundo a Defesa Civil de Santa Catarina, nove municípios decretaram estado de calamidade pública em consequência das fortes chuvas: Agronômica, Rio do Sul, Lontras, Brusque, Ituporanga, Aurora, Presidente Getúlio, Laurentino e Taió. Outros 36 decretaram situação de emergência.

No total, 91 cidades foram atingidas, afetando 935.932 pessoas. Dessas, 159.490 estão desalojadas e outras 15.020 desabrigadas. Três pessoas morreram.

(Com Agência Estado)

Continua após a publicidade
Publicidade