Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Santuário Nacional recebe mais de 150.000 fiéis

Multidão de católicos estava reunida desde a manhã deste sábado para participar da Festa da Padroeira, em Aparecida, no interior de São Paulo

Por Da Redação 12 out 2013, 14h48

Mais de 150.000 fiéis passam pelo Santuário Nacional neste 12 de outubro, dia de Nossa Senhora Aparecida. Logo nas primeiras horas da manhã já era grande a fila para a visitação ao templo, localizado na cidade de Aparecida, interior de São Paulo. Muitos romeiros chegaram à Festa da Padroeira por meio de caminhadas pelas margens da Rodovia Presidente Dutra.

A celebração é uma das maiores manifestações católicas do mundo. A missa solene, realizada em novo horário, teve a participação do governador Geraldo Alckmin, além de políticos da região do Vale do Paraíba.

Em sua mensagem aos peregrinos, o arcebispo de Aparecida, cardeal d. Raymundo Damasceno, ressaltou a mensagem feita pelo papa Francisco em julho em sua visita ao templo religioso: não perder a esperança, acreditar na presença de Cristo e viver na alegria. “Devemos estar atentos às necessidades e sofrimentos dos nossos irmãos e colaborar na construção de um Brasil sem denominação, democrático, fraterno, solidário, com dignidade para todos”, disse em seu sermão.

Diferentemente de outros anos, quando os fiéis chegaram à cidade em excursões ou de carro, desta vez muitos fizeram o percurso a pé pelas margens da Via Dutra. Um dos locais de maior concentração de romeiros é a Capela das Velas, que recebe pessoas fazendo pedidos, agradecendo graças alcançadas e até mesmo celebrando a vontade do filho recém-falecido, como é o caso do frentista José Carlos Correia e sua família, vindos de Pitanga, no Paraná. “Perdemos o nosso filho há quatro meses e viemos aqui realizar sua vontade, que era a de estar aqui com a gente neste 12 de outubro”, comentou o frentista, acompanhado da família e outras vinte pessoas, todas com a foto de seu filho estampada no peito e a palavra “saudades”.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade