Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Rebelião na Fundação Casa: 59 menores fogem

Motim em unidade da Zona Leste terminou por volta de 15h30; 29 reféns foram soltos

Por Da Redação 12 ago 2013, 16h50

Cinquenta e nove menores fugiram nesta segunda-feira da unidade da Fundação Casa (antiga Febem) do Itaquera, Zona Leste de São Paulo. É mais da metade do número de internados na unidade, que abriga 103 menores.

É a maior fuga de menores internados do ano no estado de São Paulo. A última fuga em massa havia ocorrido no dia 30 de julho, quando 32 internos fugiram de uma das unidades de Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo.

A fuga em massa ocorreu em meio a uma rebelião, que começou por volta de 12 horas e só terminou às 15h30. Apenas dezessete menores haviam sido recapturados até às 17h30.

Vinte e nove funcionários da unidade chegaram a ser tomados reféns. Segundo a fundação, alguns sofreram ferimentos leves e foram levados para o hospital. Entre eles está o diretor da unidade. Nenhum interno ficou ferido.

Mais cedo, outra rebelião tomou uma unidade da Fundação Casa na Vila Leopoldina, na Zona Oeste. Doze funcionários chegaram a ser feitos reféns pelos menores, que convocaram a rebelião depois de uma tentativa frustrada de fuga. Colchões foram queimados.

O motim acabou cerca de quatro horas depois, após negociações entre os menores e membros da Corregedoria da fundação e da Superintendência de Segurança e Disciplina. A unidade tem capacidade para 150 internos e, no momento da rebelião, abrigava cem menores.

As duas rebeliões ocorreram menos de um mês após um motim na unidade da Fundação Casa em Franco da Rocha, na Grande São Paulo, onde 92 menores estavam internados. Na ocasião, dezessete funcionários foram feitos reféns por três horas. Três ficaram feridos.

Continua após a publicidade
Publicidade