Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Presos no PR acusados de tráfico internacional de drogas

A Polícia Federal desmantelou nesta quinta-feira uma quadrilha acusada de tráfico internacional de drogas a partir do Porto de Paranaguá, no Paraná. De acordo com a assessoria de Comunicação do órgão, foram cumpridos 25 mandados de prisão em Paranaguá, no Porto de Rio Grande (RS) em Sumaré (SP), em Joinville (SC) e em João Pessoa (PB). Os destinos mais comuns da droga eram os portos de Valencia, na Espanha, e de Antuérpia, na Bélgica, embora também tenha havido carregamentos para a África. No exterior não foi realizada nenhuma prisão.

A operação, chamada de deadline, teve as investigações iniciadas em novembro de 2011, com a identificação da origem boliviana da cocaína e dos contatos que estavam no interior de São Paulo, para onde a droga era inicialmente levada, após passar pelo Paraguai. Em Paranaguá, outras pessoas, entre elas funcionários de agências marítimas, burlavam a vigilância do porto e violavam contêineres prontos para embarque, colocando os pacotes de cocaína em meio à carga. Posteriormente, os contêineres recebiam lacre internacional falsificado.

Os 105 policiais federais designados para a operação também fizeram 27 buscas e apreensões de documentos, carros, lancha e dólares. Durante o período da investigação, a PF apreendeu 129 quilos de cocaína, dos quais 21 no Porto de Rio Grande, 38 em Valência e 70 em Antuérpia. Os acusados responderão por tráfico e formação de quadrilha, que preveem pena de prisão superior a 15 anos.

(Com Agência Estado)