Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Preso um dos suspeitos de assaltar pizzaria em São Paulo

Criminoso foi encontrado em casa após denúncia anônima; autor dos disparos que mataram tio e sobrinho na Zona Norte continua foragido

Por Da Redação 11 jun 2013, 10h10

Foi preso na noite desta segunda-feira um dos suspeitos de participar do assalto a uma pizzaria na Zona Norte de São Paulo que terminou com dois mortos. Alef Alves Ferreira, de 19 anos, foi encontrado em casa, na favela do Agreste, também na Zona Norte, após denúncia anônima. O assalto aconteceu por volta das 23h15 deste domigo e resultou na morte do comerciante Reginaldo Vizani, de 51 anos, e de seu sobrinho, Felipe Vizani, de 19. O autor dos disparos continua foragido.

Alef foi levado ao 40º Distrito Policial, onde foi reconhecido por três testemunhas, que confirmaram que ele participou do assalto, mas não foi o homem que atirou nas vítimas. Ele teve a prisão temporária de 30 dias decretada pela Justiça.

Crime – Na noite de domingo, dois assaltantes invadiram a Pizzaria Ser Faccio quando as atividades já estavam encerradas. Eles teriam ameaçado matar um casal que estava em frente ao estabelecimento, caso o proprietário não abrisse a porta.

Após anunciarem o assalto, um dos bandidos atingiu Reginaldo no peito enquanto ele pegava sua carteira. Felipe, que tentou defender o tio, levou quatro tiros na perna e na barriga. Um funcionário, identificado apenas como Antônio, também foi atingido na perna. Eles foram socorridos e levados ao pronto-socorro do Hospital Vila Nova Cachoeirinha, mas Reginaldo morreu antes de chegar ao local. Felipe morreu na mesa de cirurgia.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade

Publicidade