Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Político é executado dentro de padaria de Seropédica

Miguelzinho Seropédica criticava o prefeito e milianos em uma página de Facebook

Por Da Redação 11 nov 2018, 17h30

Mais uma execução de político assusta Seropédica, município localizado a 50 quilômetros do Rio de Janeiro. Na manhã deste domingo, 11, Miguel Ângelo Steffan de Souza, o Miguelzinho Seropédica, de 51 anos, foi assassinado a tiros enquanto tomava café da manhã em uma padaria da cidade. Testemunhas afirmam que dois homens teriam feito os disparos. Ninguém foi localizado.

A vítima vinha se notabilizando por criticar a administração municipal de Anabal (PDT). Ele denunciava crimes praticados por milicianos na região. Em uma página de Facebook com 9 800 seguidores, mostrava fotos e vídeos de escolas com problemas estruturais, ruas alagadas e falta de segurança, entre outros problemas. Miguelzinho já havia sofrido ataques no passado. Em 2016, sua casa chegou a ser invadida e revirada. Ele disputou o cargo de prefeito nas últimas eleições municipais pelo Partido da Mulher Brasileira (PMB). Ficou em terceiro lugar, com 7.65% dos votos.

Miguelzinho é o segundo político morto na cidade em menos de três semanas. Rafael Siqueira Cardoso, suplente de vereador, foi assassinado com tiros no rosto no dia 25 de outubro. O caso também aconteceu em uma padaria. A Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense investiga os dois casos.

Publicidade