Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Polícia sobe favelas da zona sul para cumprir mandados

Operação sinaliza que morros com UPPs não estão livres de incursões da polícia. Orientação foi para não usar fuzis, pois área é mais segura

Por Da Redação
28 jan 2011, 12h22

Uma operação policial na manhã desta sexta-feira sinalizou, para a população e para os bandidos, que as favelas consideradas ‘pacificadas’ – como são chamados os morros com Unidades de Polícia Pacificadoda (UPPs) – também podem ser, como qualquer outro bairro da cidade, alvo de uma caçada a traficantes. Mas, para quem vive nesses locais, há pelo menos uma constatação de avanço em relação às demais operações: a Secretaria de Segurança orientou os agentes a não usar fuzis nas operações nas favelas do Pavão-Pavãozinho, Chapéu Mangueira e Babilônia, por considerar que são áreas mais seguras e, portanto, sem necessidade de uso de armamento de guerra.

Ainda assim, as armas longas foram usadas na ação – sem registro de tiroteios. No ano passado, uma ação semelhante foi realizada em outra favela com UPP, a Cidade de Deus, na zona oeste. Na manhã desta sexta-feira, foram presas 16 pessoas que, segundo a Polícia Civil, têm envolvimento com o tráfico de drogas. O objetivo anunciado das ações foi o de cumprir 21 mandados de prisão, mas o sinal que a Secretaria de Segurança emite é ainda mais valioso que o resultado da incursão: o de que áreas com UPPs devem ser seguras para moradores, não para quem tenta se esconder.

Participaram da ação policiais da 13ª DP (Ipanema), 12ª DP (Copacabana) e 14ª DP (Leblon). O site da polícia informa que, de acordo com a delegada Monique VIdal, da delegacia de Ipanema, este foi um desdobramento de uma ação iniciada em março de 2010, na qual foram detidos 29 suspeitos.


Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.