Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Polícia identifica homem que comandou invasão ao fórum

Câmeras de vigilância mostram três homens armados com fuzis entrando no local para resgatar presos. Menino e policial foram mortos em troca de tiros

Por Da Redação
1 nov 2013, 11h29

(Atualizado às 14h40)

A Divisão de Homicídios da Polícia Civil identificou nesta sexta-feira um dos criminosos que invadiram o fórum de Bangu, Zona Oeste do Rio, na quinta-feira, na tentativa de resgatar presos que prestavam depoimento no local. Segundo o delegado Rivaldo Barbosa, Leandro Nunes Botelho, o Scooby Doo, foi quem comandou toda a ação dos bandidos, que terminou com a morte de um menino de 8 anos e um policial militar. Também nesta sexta, uma operação da PM na região busca os envolvidos.

Leia também:

Leia também: Após morte de menino, PM caça envolvidos em ataque a fórum

Botelho é um dos ex-chefes do tráfico de drogas no Morro dos Macacos em Vila Isabel, Zona Norte. Contra ele existem oito mandados de prisão por sequestro, cárcere privado, tráfico, extorsão mediante sequestro e associação para o tráfico. Também esteve envolvido no espancamento de militares do Exército que entraram na favela por engano, em setembro de 2009. O Disque Denúncia oferece 2.000 reais por sua captura.

“Partiu dele a ordem para resgatar os criminosos”, afirma o delegado. Ainda de acordo com ele, a identificação foi possível a partir da análise de imagens do circuito interno do fórum, que permite ver com clareza o rosto dos três homens armados com fuzis que entraram pela porta da frente. Pelo menos oito comparsas davam cobertura do lado de fora. Já foram solicitadas as gravações de outras câmeras de vigilância do entorno, acrescenta Barbosa.

Continua após a publicidade

Leia também:

Tiroteio assusta moradores da Rocinha. Assista ao vídeo

Homicídios crescem quase 40% no Rio de Janeiro

Criminosos – Uma perícia foi feita na manhã desta sexta dentro do fórum, que ficará fechado durante todo o dia. Enquanto isso, a Polícia Militar e o Batalhão de Operações Especiais (Bope) buscam os bandidos pela região. Homens do Bope ocupam a Vila Vintém com um veículo blindado, enquanto os demais agentes vasculham outras seis favelas: Selvinha, Comunidade da Rua I, Curral das Éguas, Batanzinho, 77 e Minha Deusa.

Bope faz operação na Vila Vintém para achar os responsáveis pelo ataque no fórum de Bangu
Bope faz operação na Vila Vintém para achar os responsáveis pelo ataque no fórum de Bangu (VEJA)
Continua após a publicidade

Sete pessoas haviam sido presas até as 14h30, mas ainda não há confirmação de que estavam entre os invasores do fórum. Também foram apreendidos 3.273 sacolés de cocaína, 2.286 pedras de crack, dois carregadores de pistola e 39 munições, de acordo com a assessoria da PM. Há uma quantidade ainda maior de drogas que ainda não foram contabilizadas, ressalta a corporação.

Os traficantes que seriam resgatados são Alexandre Bandeira de Melo, de 41 anos, conhecido como Piolho, e Vanderlan Ramos da Silva, de 31 anos, o Chocolate. Piolho era o alvo principal. Ele é chefe do tráfico de drogas do Morro do Dezoito, em Quintino, Zona Norte, e foi preso no ano passado. A Secretaria Estadual de Segurança Pública informou que já pediu a transferência dos dois para presídios federais.

Vítimas – O menino Kayo da Silva Costa, de 8 anos, foi a primeira vítima fatal do tiroteio entre quadrilha e policiais. Ele voltava da escolinha de futebol com a avó quando foi atingido por um disparo. Seu enterro ocorreu no fim da manhã, sob forte comoção e gritos por “justiça”. Em seguida, parentes e amigos organizaram um protesto em frente ao fórum de Bangu.

O policial morto é o terceiro sargento Alexandre Rodrigues de Oliveira, de 39 anos. Há dezoito anos na corporação, ele era lotado no 14º BPM (Bangu) e estava no fórum na quinta-feira também para prestar depoimento, conforme a assessoria da PM. Atingido por um dos tiros, ele chegou a ser socorrido ao Hospital Albert Schweitzer, mas não resistiu.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.