Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Polícia identifica dois acusados de matar PM no Alemão

Igor Quirino Lopes da Silva e Thiago da Silva têm antecedentes criminais

A Polícia Civil do Rio de Janeiro identificou dois homens acusados de envolvimento na morte do policial militar Fábio Gomes da Silva, baleado na cabeça no domingo durante confronto com traficantes no Complexo do Alemão, Zona Norte. De acordo com investigações da 45ª DP, Igor Quirino Lopes da Silva e Thiago da Silva, de 26 anos, foram os autores do ataque contra os PMs que faziam patrulhamento naquela noite.

A Justiça expediu mandado de prisão contra os dois suspeitos, que têm antecedentes criminais por tráfico de drogas. A dupla já estava sendo procurada pela polícia desde a semana passada, quando teve a prisão preventiva decretada em outro inquérito que apura os confrontos no Complexo do Alemão. De acordo com o delegado, Felipe Curi, Igor é o principal responsável pelos ataques a policiais e atua como “braço armado” do tráfico na favela.

Ataque – O confronto do qual o policial Fábio Gomes da Silva saiu baleado ocorreu na noite de domingo. Ele chegou a ser levado ao Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, mas morreu no dia seguinte. Segundo a corporação, homens armados, abrigados em uma área conhecida como Valão, fizeram cerca de 30 disparos contra os PMs. Além de Fábio, outro policial foi ferido por estilhaços.

Leia também:

Bandidos do Alemão atacam novamente e um PM é morto