Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Polícia Federal desmente morte de idosa em prisão de golpistas

Imagem veiculada nas redes foi tirada de banco de imagens

Por Gustavo Silva Atualizado em 10 jan 2023, 10h37 - Publicado em 10 jan 2023, 10h17

A Polícia Federal desmentiu na noite da última segunda-feira, 09, a suposta morte de uma idosa, que estaria presa após participar dos atos terroristas no domingo 08. A fake news surgiu em grupos de mensagens e em redes sociais de bolsonaristas, que postaram: “Esta senhora de 77 anos faleceu no campo de concentração da Polícia Federal em Brasília. Segundo informações, ela teve sede e dor no peito”. O boato atribuía a morte à falta de assistência médica. No entanto, pesquisas retroativas de imagem mostram que a imagem da idosa apontada como morta foi retirada de banco de imagens.

Ainda na segunda-feira 9, a deputada federal Bia Kicis (PL) chegou a endossar a mentira na Câmara dos Deputados. Após a tentativa fracassada de golpe, cerca de 1.500 pessoas foram presas. Esses indivíduos foram alocados pela Polícia Federal em diversos pontos de Brasília para que aguardem os procedimentos legais.

Continua após a publicidade
Pesquisas retroativas de imagem mostram que idosa apontada como morta foi retirada de banco de imagens
Pesquisas retroativas de imagem mostram que idosa apontada como morta foi retirada de banco de imagens. (Reprodução/Reprodução)
Notícia Falsa: veiculada mensagem de morte de idosa. Polícia Federal Desmente o caso.
Notícia Falsa: veiculada mensagem de morte de idosa. Polícia Federal Desmente o caso. (Reprodução/Reprodução)
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.