Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

PMDB e PRB fazem pacto para apoio no 2º turno

Por Felipe Frazão

São Paulo – O PMDB e o PRB fecharam um acordo para cada legenda manter candidatura própria à Prefeitura de São Paulo no primeiro turno das eleições municipais, agendadas para outubro. A informação foi anunciada nesta sexta pelos dois pré-candidatos, Gabriel Chalita (PMDB) e Celso Russomanno (PRB).

Os partidos combinaram apoio mútuo caso apenas um dos candidatos avance ao segundo turno.

O deputado federal Chalita afirmou que a chapa com Russomanno, como vice logo no início da corrida eleitoral, foi mesmo descartada pelas duas legendas. O peemedebista negociava o apoio do PRB a sua candidatura.

“Nós temos um pacto de ajuda no segundo turno, mas no primeiro turno tanto o PRB tem candidatura quanto o PMDB tem candidatura. Isso já está definido”, afirmou Chalita.

O entendimento entre as siglas foi definido na reunião dos dois pré-candidatos com o vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), e o presidente do PRB, Marcos Pereira, em Brasília no início do mês.

Afinados

Com boa avaliação nas pesquisas, Russomanno mantém discurso afinado com Chalita: contra a polarização da campanha entre PSDB e PT e a favor da participação pluripartidária em nome da democracia.

“A intenção é criar um novo grupo político, que não é a polarização que existe aí entre o PT e o PSDB”, explicou Russomanno à reportagem. “Não sei se isso enfraquece a candidatura (do PT e PSDB). O que a gente não pode é ter no País só dois partidos políticos conduzindo o processo. Ter outros grupos políticos é extremamente importante para a democracia.”

“É bom que a gente tenha mais candidatos”, disse nesta sexta Chalita, ao negar que seja opção de terceira via com apoio do PSB, partido pelo qual se elegeu deputado federal em 2010 e que deixou no ano passado para se filiar ao PMDB e se lançar pré-candidato a prefeito. “Defendo que tenhamos mais candidatos e que a população possa ouvir propostas diferentes.”

Segundo Russomanno, o acordo de parceria no segundo turno é exclusivo entre PRB e PMDB – e não inclui os partidos das coligações. Russomanno anuncia hoje o apoio do PTN e do PT do B. Chalita já conseguiu atrair o PSC e o PTC e diz manter conversas para trocar apoio com PC do B e PT no segundo turno. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.