Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

PM investiga abuso de agentes em protesto no Rio

Vídeos publicados na internet mostram pelo menos dois manifestantes, já contidos e deitados no chão, sendo agredidos na cabeça por golpes de cassetetes

Por Da Redação 4 dez 2013, 09h31

A Polícia Militar vai investigar se houve excesso na atuação de agentes em uma manifestação contra o governador Sérgio Cabral (PMDB) na noite de segunda-feira, 2, em Copacabana, na zona sul do Rio. Vídeos publicados na internet mostram pelo menos dois manifestantes, já contidos e deitados no chão, sendo agredidos na cabeça por golpes de cassetetes da PM.

O protesto, convocado na página “Black Bloc RJ” no Facebook, reuniu cerca de 50 pessoas. A confusão começou por volta das 20h, na altura da Praça do Lido, onde os manifestantes teriam arremessado dois fogos de artifício contra os policiais. Seis pessoas foram detidas.

Defensoria Pública vai recorrer contra condenação de morador de rua detido em protesto

https://youtube.com/watch?v=NWXaENVsBsY%3Frel%3D0

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade