Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

PM dá choque em homem e atinge filho de 3 anos que estava no colo

Pai foi abordado em uma blitz de trânsito em Santa Catarina e se recusou a fazer o teste do bafômetro; ao levar a descarga elétrica, criança grita e chora

Um policial militar deu um choque em um homem e atingiu uma criança de três anos de idade durante uma operação de trânsito em Pomerode, na região do Vale do Itajaí, Santa Catarina, na última segunda-feira.

Um grupo de policiais obrigou o homem, que afirmou não estar dirigindo, a realizar o teste do bafômetro – como ele se recusou, foi alvo de choques mesmo estando com o filho, no colo. Quando a criança sentiu o choque, começou a gritar e a chorar.

O comandante da Polícia Militar de Pomerode, tenente Cristofer Tiemann, recusou-se a comentar o caso. Soldados da corporação, no entanto, justificaram o comportamento em nota.

“Observa-se que os policiais foram pacientes, claros e legítimos em suas determinações, inclusive quanto à ordem para soltar a criança. (…) Em alguns momentos onde (sic) o policial tentava conter o autor e fazer cumprir a lei, o autor fazia movimentos bruscos e continuava a resistir, apresentando clara conduta de confrontamento”, diz o texto. “Em determinado momento em que a posição do autor favoreceu uma ação policial, os policiais agiram para fazer cumprir a lei e resguardar a integridade física de todos os envolvidos.”

No vídeo, não há sinais de confronto. Embora o homem não atenda ao pedido de colocar a criança no chão e questione a ação policial, ele não reage e implora para não ser agredido quando os policiais tentam algemá-lo. Nesse momento, um dos policiais utiliza a arma de choque contra ele, atingindo também a criança.

O Comando Geral da Polícia Militar afirmou que a ação será analisada em um processo administrativo interno.

Veja o vídeo com a abordagem da polícia e o choque em pai e filho.

 

(Com Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Anjo Conservador

    Então, se o que a policia diz é verdade a criança era refem…

    Curtir

  2. A mídia sempre demonizando a polícia. Assim vai mal.

    Curtir

  3. PAUNOMOLUSCO

    Lamentável.

    Curtir

  4. Eduardo Lucio

    “Pai foi abordado em uma blitz de trânsito” reportagem mentirosa a polícia estava lá pois a ex mulher tinha acionada a mesmo pois o rapaz do vídeo havia arrombado a porta dá casa da ex mulher e levou a criança sem autorização da mãe aff

    Curtir

  5. Marcio Beraldo

    Uma pena assistir esse video, a criança estava assustada e querendo ficar agarrada com o pai. lamentável isso. Não quero julgar a policia, mas nesse caso, no meu ver está errado.

    Curtir

  6. Paulo Bandarra

    Reportagem mente.

    Curtir

  7. Rildo Domingos

    Ele jamais deveria ter colocar o filho em risco, foi abordado se entregue lago e pronto!

    Curtir

  8. Rildo Domingos

    Ele jamais deveria ter colocado o filho em risco, bebeu assuma o B.O e pronto!

    Curtir

  9. joa leite da silva

    Pela extinção das policias militares. Estamos cansados de viver sob esta permanente administração militar em nossas ruas.Não adianta, eles tem sempre a psique de que somos “subsoldados” e que as ruas são dependências militares. Não importa que polícias civis também são violentas. O ponto aqui é que o fato de estarmos sempre sob “administração”militar e que o cidadão pagador de impostos é sempre tido como um subalterno tipo um “subsoldado” é revoltante!

    Curtir