Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pilotos e copilotos decidem nesta 5ª se entram em greve

Aeronautas se reúnem em assembleias em cinco estados. Se aprovada, a paralisação vai afetar o tráfego aéreo intenso das festas de fim de ano

Pilotos, copilotos e comissários de voo decidem, nesta quinta-feira, se entram em greve. A paralisação, que interfere na vida de milhares de passageiros que lotam os aeroportos brasileiros no fim do ano, será votada durante assembleias no Rio de Janeiro, em São Paulo, Brasília, Rio Grande do Sul e Minas Gerais. O Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA) pede aumento de 8% de reajuste, aumento das folgas, planos de previdência privada e de saúde.

Nesta quinta, o presidente do SNA, Marcelo Ceriotti, se reuniu com representantes do sindicato patronal, na sede do Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias, no Rio de Janeiro, para tentar chegar a um acordo, mas as negociações não avançaram. As empresas alegaram dificuldades financeiras e mantiveram a oferta de reajuste de 5,6%, que já havia sido recusada pela categoria na semana passada. Segundo a categoria, a proposta não representa ganho real.

Representantes do sindicato não falaram sobre a reunião, mas o SNA já havia assegurado o cumprimento da legislação, garantindo a disponibilização de 20% do efetivo da categoria nos aeroportos durante o período de greve. Se aprovada, a paralisação está prevista para começar às 6 horas de sexta-feira.

Leia também:

Aeronautas votam proposta de greve nesta quinta-feira

(Com Estadão Conteúdo)