Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

PF desarticula quadrilha e apreende 3,7 toneladas de cocaína

Apreensão aconteceu no Porto de Santos. Quadrilha recebia drogas do Paraguai e enviava para Europa, Cuba e África

A Polícia Federal apreendeu nesta segunda-feira 3,7 toneladas de cocaína em uma operação realizada nesta manhã no Porto de Santos, litoral de São Paulo. A droga pertence a uma quadrilha que usava contêineres para transportar o material para a Europa, Cuba e África.

Ao todo, a polícia cumpriu 46 mandados de prisão e 80 de busca e apreensão. Além da cocaína, foram apreendidos 230.000 euros, dez veículos, uma embarcação, 19 armas curtas e dois fuzis. As organizações criminosas eram investigadas desde 2013 nas operações batizadas de Hulk e Oversea.

Segundo a Polícia Federal, a droga vinha da Bolívia e entrava no Brasil pela fronteira com o Paraguai. Quando chegava ao porto de Santos, a droga era colocada dentro de mochilas e sacolas que eram inseridas nos contêineres por funcionários particulares, sem o conhecimento dos donos das cargas ou dos navios. O material seguia então com um lacre clonado. No local de destino, membros da organização criminosa rompiam os lacres, recuperavam a cocaína e recolocavam os lacres clonados, para não criar suspeitas.

Operações – A Operação Hulk visava um grupo na capital paulista que realizava a compra da droga na Bolívia e a transportava para o Brasil pela fronteira com o Paraguai. Já a Oversea tinha como foco um grupo que operava as inserções ilícitas da droga em cargas que partiam do Brasil pelo porto. No momento de exportação, os contêineres eram carregados em locais privados onde eram lacrados e encaminhados ao porto para embarque.

(Com Estadão Conteúdo)