Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Peixes aparecem mortos em rio no interior de SP

Por Da Redação 8 set 2011, 19h02

Por Marcela Bourroul Gonsalves

São Paulo – A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) foi chamada ontem para atender uma ocorrência de mortandade de peixes no Rio Pardo, município de Jaborandi, região de Barretos, interior de São Paulo.

Técnicos da Cetesb e uma equipe da Polícia Militar Ambiental constataram que no local havia de 500 a 1.000 peixes mortos de espécies variadas como piapara, cachara, dourado, lambari e cascudo.

Uma análise do teor de oxigênio na água em um ponto junto à ponte sobre o Rio Pardo constatou 0,28 mg/l (miligramas por litro), índice considerado extremamente baixo na escala que varia de zero a 10 mg/l. Duas amostragens em dois outros pontos indicaram teor de 1,45 mg/l e 4,75 mg/l. Neste último ponto, não houve relatos de mortandade por parte de pescadores e de moradores.

Segundo a Cetesb, não foram constatadas evidências de lançamento de produtos químicos, mas policiais ambientais que se encontravam na área há mais tempo relataram ter sentido cheiro de material orgânico. Não foi possível, no entanto, identificar fontes de lançamento de resíduos que pudessem ter causado a mortandade. Hoje, foi feita nova medição que indicou de 6 a 7 mg/l de teor de oxigênio, valor considerado normal para a região.

Continua após a publicidade
Publicidade