Clique e assine com 88% de desconto

Pane em esteira fere 20 pessoas no metrô de São Paulo

Uma esteira rolante de transferência entre as linhas 4 - Amarela e 2 - Verde parou e derrubou passageiros; concessionária apura motivo do problema

Por Da Redação - 4 set 2013, 12h40

Uma pane em uma esteira rolante do Metrô de São Paulo deixou vinte pessoas feridas na manhã desta quarta-feira. O acidente ocorreu no corredor de transferência entre as estações Paulista, da Linha 4 – Amarela, e Consolação, da Linha 2 – Verde. Houve tumulto e correia. A Polícia Militar (PM) chegou a ser acionada por suspeita de que tiros tivessem sido disparados – o que não se confirmou.

O acidente ocorreu por volta das 8h10 da manhã, no horário de pico. Uma das esteiras rolantes, no sendito Consolação, parou repentinamente e derrubou passageiros que caminhavam entre as estações. Com o barulho da queda, passageiros se assustaram e começaram a correr, o que provocou um princípio de tumulto. A Via Quatro, empresa que opera a Linha 4 – Amarela, disse que o corre-corre causou a queda de vários direcionadores de fluxo – pedestais de metal com faixas usados para separar os passageiros de acordo com o sentido de deslocamento.

Na correria, passageiros confundiram o barulho dos pedestais caindo com tiros. Por causa da suspeita, policiais militares foram até o local, mas não encontraram marcas de disparos.

Usuários relataram pelo microblog Twitter que havia manchas de sangue nas escadas rolantes que ficam próximas às esteiras. A Via Quatro afirmou não ter encontrado vestígios de sangue no local.

Publicidade

Dezesseis pessoas foram encaminhadas ao Hospital das Clínicas e à Santa Casa de Misericórdia com ferimentos leves. Outras quatro foram liberadas após o atendimento médico prestado pela concessionária na estação.

A transferência entre as estações Paulista e Consolação é uma das mais lentas por causa do volume de passageiros que circula pelo túnel subterrâneo de transferência. É comum a formação de filas. Por causa da superlotação, as esteiras de transferência entre as estações costumam ser desligadas no horário de pico. O Metrô estuda construir um novo acesso da Rua Bela Cintra à estação Paulista, para evitar que os passageiros da Linha 4 – Amarela tenham de caminhar pela estação Consolação.

Segundo a Via Quatro, a circulação entre as estações foi normalizada por volta das 11h30 e não havia atraso dos trens. A empresa ainda apura o motivo de a esteira ter parado de funcionar. A concessionária informou que não é possível parar a esteira acionando algum botão ou alavanca no local – o funcionamento ou a paralisação é feita apenas pelo sistema de segurança remoto da Via Quatro.

Leia também:

Publicidade

Lotado, metrô pede a usuário que desça em outra estação

Metrô suspende aviso de descer após destino

Publicidade