Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Operação policial apreende armas de guerra na Baixada Santista

Foram presas 107 pessoas em seis cidades do litoral paulista

Uma operação da Polícia Civil resultou nesta quinta-feira na prisão de 107 pessoas na Baixada Santista, em São Paulo. Com os suspeitos, foram encontrados ainda 21,5 quilos de entorpecentes, onze armas de fogo – incluindo armamentos de guerra – e mais de 15.000 produtos contrabandeados.

A operação ocorreu nas seis cidades da Baixada: Bertioga, Cubatão, Guarujá, Santos, São Vicente e Praia Grande. Segundo o delegado seccional da região, Manuel Gatto Netto, entre os armamentos apreendidos foram encontrados três fuzis de calibre 5.56 – armas que só podem ser portadas por membros das Forças Armadas – e munição de uma .50. “Esse tipo de munição tem potência para derrubar uma aeronave e furar blindagens. Não há coletes à prova de balas para ela”, afirmou o delegado.

Leia também:

Polícia prende quadrilha suspeita de falsificar cervejas

Delegado confirma reunião entre governo de SP e PCC em 2006

Netto disse que, entre os 107 presos, havia suspeitos dos mais diversos crimes, desde furto até latrocínio. Além dos armamentos, seis carros, inclusive alguns importados, foram apreendidos e passarão por perícia. “Os carros estão novos. Vamos identificar os donos e devolver os veículos”, afirmou.

A Polícia Civil afirmou que não houve confrontos durante a ação.