Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Operação da polícia em favela do Rio deixa quatro mortos

Policiais de oito batalhões da PM procuram criminosos que raptaram e assassinaram soldado da corporação na noite de segunda-feira

Por Da Redação 31 Maio 2011, 11h27

Uma operação da Polícia Militar no Morro da Pedreira, em Costa Barros, zona norte do Rio, deixou quatro mortos – suspeitos de envolvimento com o tráfico, segundo a PM. Os quatro chegaram a ser levados para o Hospital Estadual Carlos Chagas, mas já teriam chegado mortos à unidade.

A ação tem como objetivo, segundo a PM, capturar os assassinos do soldado Marcos Vinícius Saldanha, 30 anos, morto na noite de segunda-feira naquela região. O policial estava com um colega de farda em um carro, que acabou ficando sem gasolina. Saldanha teria ido de mototáxi até um posto e foi visto por traficantes, que perceberam que ele estava armado.

Segundo a PM, Saldanha foi levado para dentro da favela e executado. O outro policial, que tinha ficado no veículo, nada sofreu. O policial assassinado trabalhava no 19ºBPM (Copacabana).

Segundo militares do 41.º BPM (Irajá), as vítimas do confronto desta terça-feira seriam traficantes e foram baleados por terem atacado os policiais com tiros. Participam da operação policiais de oito batalhões. A polícia passou esta madrugada realizando cerco à comunidade. Na operação desta manhã foram apreendidos um fuzil calibre 7.62 mm, duas pistolas 9 mm, uma pistola .45 e além de “farta quantidade de drogas”, segundo a assessoria da PM.

(Com Agência Estado)

Continua após a publicidade
Publicidade