Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Não deu para chamar quase ninguém’, diz jogador que escapou do fogo

Samuel Barbosa, de 16 anos, relatou que alguns atletas não conseguiram sair porque 'intensidade de fogo era muita'

Um jogador de base do Flamengo escapou ileso do incêndio que ocorreu na madrugada desta sexta-feira 8 no Ninho do Urubu, centro de treinamento do time na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro. Samuel Barbosa, de 16 anos, joga como zagueiro e conta como foi o momento em que o fogo começou a se alastrar nos dormitórios dos atletas.

“Alguns não conseguiram (sair) porque a intensidade do fogo era muita, muita. Aconteceu que o ar condicionado pegou fogo, daí foi gerando um curto-circuito em todos os ar condicionados, pegando tudo. Foi muito rápido, muito rápido. Não deu para conseguir chamar quase ninguém”, afirmou o jogador, em um vídeo tranquilizando os familiares.

No incêndio, pelo menos dez pessoas morreram e outras três ficaram feridas. O fogo começou em um dos quartos do alojamento em que a equipe de base do Flamengo fica alojada e se alastrou para outros locais. O porta-voz do Corpo de Bombeiros, Douglas Henaut, afirmou que “o local estava completamente tomado pelas chamas” quando chegaram.

Nas redes sociais, amigos e parentes lamentam a morte do goleiro da base do clube e da seleção brasileira sub-15 Christian Esmerio Candido, de 15 anos, e do zagueiro Arthur Vinícius, que completaria a mesma idade do colega no próximo sábado, 9.

Samuel também fez uma postagem sobre o assunto no Twitter: “Obrigado meu Deus por esse livramento”.