Clique e assine a partir de 8,90/mês

Motorista que atropelou filho de Cissa Guimarães vai ser indiciado por homicídio culposo

Delegada responsável pelo caso questiona procedimentos de dois policiais militares que atenderam a ocorrência na madrugada de segunda-feira

Por Léo Pinheiro - 21 jul 2010, 00h22

O motorista do Siena preto que atropelou o filho da atriz Cissa Guimarães vai ser indiciado por homicídio culposo, sem a intenção de matar. Rafael de Souza Bussamra, de 25 anos, prestou depoimento até por volta das 23 horas desta segunda-feira. O rapaz confessou ter atropelado Rafael Mascarenhas, de 18 anos, mas negou que estivesse disputando um racha. Ele reclamou da sinalização no local e afirmou ter feito o retorno proibido no túnel para evitar passar pela favela da Rocinha para fazer um lanche.

A delegada que conduz a investigação, Bárbara Lomba, disse que não tem razão para decretar a prisão preventiva de nenhum dos quatro envolvidos, pois todos são estudantes, réus primários e têm endereço fixo. Durante a tarde, também foram ouvidos os ocupantes do Honda Civic, Gabriel Henrique de Souza Ribeiro, e Gustavo Miraldes Bulos. O passageiro do Siena, conhecido apenas por André, vai prestar esclarecimentos nesta terça-feira, às 10 horas. A delegada questionou o procedimentos de dois policiais militares que atenderam a ocorrência na madrugada de segunda-feira. Um vídeo, ainda não liberado pela polícia, mostra os PMs parando o Siena para esclarecimento na saída do sentido Barra-Zona Sul do túnel São Cristovão, onde ocorreu a ocorrência. Rafael afirma que os policiais apenas pediram que ele e o seu acompanhante se apresentassem, voluntariamente, no 15ª Delegacia Policial. “O correto seria que eles fossem encaminhados pelos policiais à delegacia, para ser caracterizado o flagrante”, afirmou Bárbara. A abordagem policial teria ocorrido ainda durante o trabalho da equipe de resgate. A delegada também questionou outro ponto do procedimento policial. “O ideal seria que uma perícia fosse feita no local antes da liberação da pista”, afirmou, em entrevista aos jornalistas. Agora, uma perícia vai ser solicitada para tentar apurar detalhes do atropelamento.

Publicidade