Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Milicianos são absolvidos de um dos crimes no RJ

Por Fábio Grellet

Rio de Janeiro – Quatro líderes da milícia conhecida como Liga da Justiça, que atua na zona oeste do Rio de Janeiro, foram absolvidos por júri popular da acusação de tentativa de homicídio contra o cobrador de van Marcelo Eduardo dos Santos Lopes. Eram acusados o ex-deputado estadual Natalino Guimarães, de 56 anos, o ex-vereador Jerônimo Guimarães Filho, de 63 anos, um filho de Jerônimo, Luciano Guimarães, e Leandro Viegas.

Os quatro seriam mandantes do crime, que ocorreu em 15 de junho de 2005 em Guaratiba, também na zona oeste. O grupo continua preso na Penitenciária de Campo Grande (MS) por conta de outros crimes. Eles foram conduzidos ao Rio para o julgamento, mas deveriam retornar ainda hoje para o Mato Grosso do Sul. A absolvição foi decidida na madrugada de hoje. Por diferença de apenas um voto (quatro a três), os jurados consideraram o grupo inocente. O Ministério Público ainda não decidiu se vai recorrer. Durante o julgamento, que durou dois dias, os acusados negaram ter chefiado a milícia.