Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Meta fiscal e mortes de PMs no Rio nas manchetes do dia

Presidente Michel Temer terá dificuldade para aprovar no Congresso aumento do rombo no Orçamento

Desafios para aprovação da meta fiscal no Congresso e mortes de policiais militares no Rio de Janeiro estão nas manchetes de jornais do país nesta quinta-feira. Segundo a Folha de S.Paulo, o presidente Michel Temer terá dificuldade para passar no Congresso os mais de R$ 30 bilhões de expansão de receitas e corte de gastos propostos em pacote. O Globo revela que dos 240 assassinatos de PMs registrados de janeiro a julho, 92 foram no Rio de Janeiro. No Estado de S.Paulo, reportagem destaca que nove Estados ultrapassaram os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal em 2016.

Folha de S.Paulo
Aliados de Temer se tornam ameaça a nova meta fiscal
Michel Temer terá dificuldades para aprovar no Congresso o aumento do rombo nos Orçamentos de 2017 e 2018 para R$ 159 bilhões. Há insatisfação de aliados na Comissão Mista de Orçamento — onde tramitará a proposta de revisão da meta fiscal — devido a vetos do presidente à Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2018. Foram vetados na LDO, entre outros pontos, trechos que incluíam como prioridades o Plano Nacional de Educação e a conclusão de obras. 

SP prepara novas privatizações de estradas no litoral
A gestão Alckmin estuda a concessão à iniciativa privada de rodovias nos litorais norte e sul de SP, como Mogi-Bertioga e Manuel Hipólito Rego, além de trechos não concedidos da Padre Manoel da Nóbrega, em um total de 300 km. As consultas públicas devem ocorrer ainda em 2017. 

O Globo

Um em cada três PMs mortos no país é do Rio
O Rio tem a pior estatística de assassinatos de policiais do país. De janeiro a julho, o estado teve 92 PMs mortos, mais de um terço (38,3%) dos 240 agentes assassinados no Brasil. Em São Paulo, foram 22. Apesar do apoio das tropas federais, os crimes contra policiais no Rio não param de crescer. Incluindo agosto, o total de PMs mortos chega a 97. 

O Estado de S.Paulo
Estados ‘escondem’ déficit de R$ 30 bi com previdência
Boletim anual que será divulgado nesta quinta-feira pelo Tesouro mostra que os governos estaduais informaram um déficit de R$ 55 bilhões com o pagamento de aposentadorias e pensões em 2016. O valor apurado pelo Tesouro, no entanto, é de R$ 84,4 bilhões. Nove Estados ultrapassaram em 2016 os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal para gastos com pessoal.

Valor Econômico
Temer transfere ajustes das contas ao próximo governo
O governo definiu a nova meta fiscal para 2017 com uma certa folga. Isso permitirá que o contingenciamento já realizado nas dotações orçamentárias deste ano seja reduzido. O governo decidiu, no entanto, ter espaço para aumentar as despesas da máquina pública.

Estado de Minas
Taxistas se revoltam com liberação de Uber e Cabify
A 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas decidiu, por sete votos a um, que motoristas de aplicativos de transporte privado poderão circular livremente em Belo Horizonte e em outras cidades do estado. Centenas de taxistas tentaram pressionar o voto dos desembargadores e montaram uma vigília na porta do Tribunal de Justiça, na Avenida Afonso Pena.