Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Mataram minha mãe e mais 46 mil eleitores, diz filha de Marielle

Em post no Facebook, Luyara Santos afirma que irá seguir com as lutas travadas pela vereadora, morta com quatro tiros no centro do Rio de Janeiro

Por Da Redação - Atualizado em 16 mar 2018, 12h26 - Publicado em 15 mar 2018, 18h23

Luyara Santos, filha da vereadora Marielle Franco (PSOL), morta a tiros no centro do Rio de Janeiro na noite de quarta-feira, disse, em post no Facebook, que o crime foi não só contra sua mãe, mas também contra os eleitores que a levaram a ser a quinta vereadora mais votada nas últimas eleições municipais do Rio.

“Mataram minha mãe e mais 46 mil eleitores! Nós seremos resistência por que você foi luta! Te amo!”, escreveu a filha, que é estudante de educação física na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj).

Reprodução/Facebook/Reprodução

Na sua página, seguidores pediram justiça e deixaram mensagens de conforto e de incentivo à continuidade das lutas travadas pela mãe como ativista e vereadora.

Reprodução/Facebook/Reprodução
Publicidade