Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Marqueteiro de Temer critica programa ‘autocrítico’ do PSDB

Elcinho Mouco ironizou o vídeo do PSDB no qual o partido faz uma "autocrítica" por ter participado do "presidencialismo de cooptação"

Elcinho Mouco, marqueteiro do presidente Michel Temer, ironizou o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso após saber que o tucano deu aval e fez sugestões para o polêmico vídeo do PSDB no qual o partido faz uma “autocrítica” por ter participado do “presidencialismo de cooptação” que seria praticado pelo governo federal.

“FHC chamou (o governo Temer) pinguela, mas o programa do PSDB é uma pinguela para o passado”, disse Mouco.

Veja também

No ano passado, o ex-presidente comparou o governo do presidente Michel Temer a uma ‘pinguela’ (ponte frágil, improvisada).

Procurado, o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) não quis comentar a declaração. As assessorias do PSDB e de FHC foram procuradas, mas não se pronunciaram sobre a declaração de Mouco.

Tasso já disse anteriormente que não se arrepende do vídeo exibido na quinta-feira, em cadeia nacional, com críticas indiretas ao governo do presidente Michel Temer (PMDB), e com uma autocrítica do próprio partido por “ter aceitado o fisiologismo”. A peça de dez minutos foi alvo de críticas alguns tucanos e intensificou a crise interna na legenda.

Por se tratar de uma autocrítica do PSDB, Tasso declarou que “uma determinada polêmica” já era esperada. “À essa altura a polêmica é necessária, a discussão é necessária. Então é bom, porque desperta em todos posições diferentes, e eu acho que a população quer isso”, afirmou.

Três dos quatro ministros tucanos no governo Temer fizeram críticas duras ao programa veiculado pelo PSDB. Logo após a veiculação, o ministro da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy (PSDB-BA), divulgou nota na qual afirma que a peça “ofende fortemente” o partido. Segundo ele, o programa “apresenta colocações rasas, genéricas, e não teve a coragem de apontar os culpados pelos vícios e mazelas que o programa condenou.”

“A linha adotada no programa partidário ofende fortemente o PSDB, colocando o partido numa posição extremamente ruim e desconfortável, como se fosse o culpado por todos os problemas, inclusive aqueles criados por governos do PT, dos quais foi oposição”, escreveu Imbassahy.

Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), ministro tucano das Relações Exteriores, fez 38 publicações em sua conta no Twitter, nas quais critica o conteúdo do vídeo. Segundo ele, o programa é “um monumento à inépcia publicitária” e “a expressão de uma confusão política digna de figurar numa antologia do gênero”. “Em suma, esse programa não me representa. Não participei de sua concepção e em nenhum momento minha opinião foi demandada”, escreveu.

O ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB-PE), também divulgou nota rebatendo as críticas de fisiologismo. Ele afirma que os parlamentares do partido têm votado “em ideias em que acreditam”. Para Araújo, a peça não é justa com a história do partido. “O programa não me representa.”

(Com Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Almir Delmondes

    FORA TEMER, GOVERNO ILEGÍTIMO. não tem moral para falar de FHC.

    Curtir

  2. O Vídeo De Incontáveis, Palavras E Expressões Negativas……
    Quem Está, Para Se Jogar Da Ponte É Um Convite Ao Suicídio.
    Tenho Um Amigo, Que É Como Esse Vídeo…Tão Negativo
    E Baixo Astral, Que Quando Converso Com Ele Sinto Enxaqueca,
    De Tantas Lamentações…Me Suga Minhas Energias….
    FHC, Guarde Suas Lamentações Para Seu Psicanalista…

    Curtir

  3. Qualquer Estagiário De Psicologia Barraria Esse Vídeo
    Por Usar Palavras E Expressões Extremamente Negativas,
    Usadas Em Demasia !!! No Marketing Gosto De Alegria
    E Otimismo !!! Depressão E Fracasso Não Vende Produto !

    Curtir

  4. Esse Vídeo Depõe Contra O PSDB
    O PT Pagou O Marqueteiro ?????
    Se Meus Colaboradores Postassem
    Uma Mazela Dessa Com Minhas
    Marcas Eu Despediria Todo
    O Departamento De Publicidade
    Da Tia Do Café Ao Diretor…

    Curtir

  5. Tá certo, o vídeo não representa e tal. O Aécio traficante representa o PSDB? E o Serra corrupto? Talvez um expurgo fosse uma autocrítica melhor. Partido de marginais que levou o Brasil a esse caos e violência desenfreadas.

    Curtir