Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mantega: fusão fortalecerá os bancos

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou nesta segunda-feira que a fusão dos bancos Itaú e Unibanco vai fortalecer o sistema financeiro nacional e evitar problemas na liberação de crédito no país. “É importante, pois solidifica os dois bancos. É normal que em um momento de turbulência, de problemas internacionais do setor financeiro, você tenha um movimento de fusões”, afirmou o ministro, após reunião no Palácio do Planalto.

Mantega admitiu que a fusão pode aumentar a concentração do sistema financeiro – Itaú e Unibanco são responsáveis por 18% do volume financeiro movimentado no mercado nacional. Porém, na avaliação do ministro, essa união fortalece as instituições. “Elas vão ter um poderio financeiro maior.”

Com a fusão, os dois bancos passam a ser o maior grupo financeiro do hemisfério sul, deixando para trás o Banco do Brasil, que até então era o maior do país. “Se ele é o primeiro, segundo ou terceiro não é tão relevante, mas garanto que ele vai continuar crescendo”, disse o ministro.

Por causa do agravamento da crise financeira mundial, o governo, no final de outubro, editou uma medida provisória que permite a compra de bancos privados pelo BB e pela Caixa. A medida ainda está em análise no Congresso.