Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Libertado na Rússia líder opositor da extrema esquerda

O líder opositor de extrema esquerda Serguei Udaltsov anunciou nesta terça-feira que foi libertado após um mês de detenção, durante a qual fez várias greves de fome, noticiou a imprensa russa.

“Ocorreu um fato histórico. Fui libertado”, disse Udaltsov à agência de notícias russa Interfax.

Líder da Frente de Esquerda, Serguei Udaltsov tinha sido detido na primeira vez em 4 de dezembro passado, quando participava de uma manifestação de protesto proibida contra o resultado das eleições legislativas, vencidas pelo partido Rússia Unida, do premier Vladimir Putin.

Condenado a 15 dias de prisão, Udaltsov foi libertado ao final da pena. No entanto, o líder opositor foi detido novamente em 25 de dezembro e condenado a 10 anos de prisão porque não tinha cumprido na totalidade uma pena do mês de outubro.

De fato, em outubro passado, quando cumpria pena de prisão por participar de uma manifestação ilegal, Udaltsov fez uma greve de fome e sede que o levou ao hospital, mas ao receber alta, não voltou à prisão.

Em 2011, Udaltsov foi condenado oito vezes a penas de até 15 dias de prisão, razão pela qual fez várias greves de fome.