Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jovem é morto pelo pai após briga por ocupações de escolas

Alexandre José da Silva Neto, de 60 anos, não concordava com o comportamento "alternativo" do filho

Um estudante, de 20 anos, foi morto pelo próprio pai na tarde desta terça-feira, em Goiânia (GO). Após atirar contra Guilherme Silva Neto, Alexandre José da Silva Neto, de 60 anos, se debruçou sobre ele e atirou contra si mesmo.

De acordo com a Polícia Civil, eles tiveram uma briga na manhã de ontem por causa do envolvimento de Guilherme com as ocupações de escolas. Alexandre não concordava com a participação do filho com movimentos sociais e com o comportamento “alternativo” do jovem.

Alexandre baleou o estudante, que conseguiu fugir, mas apenas por um quarteirão. Depois, o pai atirou quatro vezes contra Guilherme e então atirou contra a própria cabeça. Ele chegou a ser socorrido e levado ao Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), mas morreu.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. José de Oliveira Abreu

    O PT CONTINUA FAZENDO DESTE PAIS UMA TERRA SEM LEI. BANDO DE COVARDES. TAÍ O RESULTADO, DESESTABILIZANDO FAMILIAS. BANDO DE CRIMINOSOS.

    Curtir

  2. Cláudio Moura

    Cortou o mal pela raiz.

    Curtir

  3. Treta antiga entre os dois. Pai intolerante. Filho extremista.

    Curtir

  4. caio caioijdhdjhd

    Me espanta e me entristece ver os comentarios dos eleitores dessa revista, um absurdo como um pai matar o proprio filho e voces julgando e criticando o garoto ou suas tendências politicas como justificativa para tal! Vocês realmente deviam se tratar, infelizmente é com pensamentos como esse que vão muito além do bom senso que nosso país esta sendo tomado por uma onda de pessoas sem nenhuma ética de valores basicos de convivência, é impressionante!

    Curtir