Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Clubes rivais e ídolos do Flamengo se solidarizam com as vítimas

Zico e Vinícius Junior, crias das categorias de base do clube, enviaram mensagens nas redes sociais; Cristiano e Messi também se manifestaram

Após a confirmação de ao menos 10 mortes em um incêndio  que atingiu o Ninho do Urubu no centro de treinamentos do Flamengo, localizado no bairro da Vargem Grande (RJ), na madrugada desta quinta-feira, 8, diversos clubes e jogadores se manifestaram nas redes em apoio às vítimas e familiares.

Todos os três rivais do clube rubro-negro – Botafogo, Fluminense e Vasco – postaram mensagens de apoio. A Chapecoense, abalada em 2016 por uma tragédia aérea que deixou 71 mortos, também prestou solidariedade.

Formados nas categorias de base do clube, Vinícius Junior, hoje no Real Madrid, e Zico, maior ídolo da história rubro-negra, enviaram mensagens nas redes sociais, assim como o atacante Neymar, o alemão Lukas Podolski e Diego Ribas, capitão do time profissional. “De luto e chorando com os que choram com a dor dessa tragédia. Que Deus conforte e fortaleça cada pessoa envolvida”, escreveu Diego. 

Vinícius Júnior, de 18 anos, usou sua conta no Twitter para falar sobre o incêndio: “Só de lembrar as noites e dias que passei no ct, é de arrepiar. Ainda sem acreditar, mas em oração por todos! Que Deus abençoe a família de cada um!”. O atacante do Real Madrid acrescentou ao post uma imagem do símbolo do Flamengo em preto e branco com uma fita que indica luto. Mais cedo, ao saber da tragédia, ele também postou: “Que notícia triste! Oremos por todos! Força, força e força”.

Confira, abaixo, as declarações de clubes, atletas e ex-jogadores, incluindo o rei Pelé, Cristiano Ronaldo e Lionel Messi:

 

 

Pronunciamento de Cristiano Ronaldo sobre incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo

Pronunciamento de Cristiano Ronaldo sobre incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo (Instagram/Reprodução)

Pronunciamento de Lionel Messi sobre incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo

Pronunciamento de Lionel Messi sobre incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo (Instagram/Reprodução)