Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Incêndio em SP atingiu depósito de material reciclável

Bombeiros fazem operação de rescaldo na área. A Estrada das Lágrimas foi totalmente bloqueada pela CET

O incêndio de grandes proporções que ocorreu na madrugada deste sábado no bairro do Ipiranga, na zona sul da capital paulista, destruiu um depósito de material reciclável, segundo divulgou a subprefeitura da região. Inicialmente, o Corpo de Bombeiros havia informado que se tratava de uma fábrica de papelão. O galpão atingido é da empresa EcoRepana, que realiza coleta e venda de materiais recicláveis.

De acordo com os bombeiros, o incêndio começou por volta de 1h15 deste sábado, na altura do número 100 da Estrada das Lágrimas. A princípio, dez carros dos bombeiros foram enviados até o local para combater as chamas, mas um reforço foi necessário e mais sete viaturas aumentaram a equipe. Após cinco horas de trabalho, as chamas foram controladas.

O rescaldo – etapa do serviço na qual os bombeiros avaliam o terreno para garantir que o fogo foi extinto – começou por volta das 6h20, com dez equipes, e continuava até às 10h30 de hoje, com ainda seis viaturas. Cerca de 800 metros quadrados do galpão, que tem área total de 2.500 metros quadrados, foram danificados pelas chamas, de acordo com a subprefeitura do Ipiranga.

A Estrada das Lágrimas foi totalmente bloqueada pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). A interdição não tem previsão de término. A CET pede aos motoristas que evitem a região e informa que montou um desvio pelas ruas Protocolo, Solemar e Caripurá. As causas do fogo ainda são desconhecidas. A subprefeitura do Ipiranga foi acionada e enviou técnicos para o local do incêndio. Às 11h40, a unidade municipal informou que o depósito está interditado para vistoria sem previsão de liberação.

A EcoRepana recicla resíduos industriais para empresas. De acordo com o site do empreendimento, são processados mensalmente 2 mil toneladas de materiais recicláveis.

(Agência Estado)