Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Presídio de Franco da Rocha tem rebelião e fuga de presos

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária, 55 presos fugiram e 18 já foram recapturados pela Polícia Militar

Por Da Redação Atualizado em 17 out 2016, 21h05 - Publicado em 17 out 2016, 20h00

Uma rebelião teve início no fim da tarde desta segunda-feira no Hospital de Custódia em Franco da Rocha, na região metropolitana de São Paulo. Havia no presídio 446 internos, submetidos a medidas de segurança ou com necessidade de avaliação psiquiátrica. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), que administra as unidades prisionais do estado, 55 presos fugiram, dos quais 18 já foram recapturados pela Polícia Militar.

Leia também:
PCC cria clima de tensão na segurança do Rio de Janeiro

O motim começou no final da tarde, quando alguns internos atearam fogo em duas alas do complexo prisional. Segundo a administração penitenciária, o tumulto foi contido por oficiais do Grupo de Intervenções Rápidas (GIR), que passaram a revistar os internos. Os presos agora serão transferidos a outras unidades da região.

O Comando de Operações Especiais (COE) também foi deslocado para o hospital de custódia, assim como equipes do Corpo de Bombeiros, uma vez que havia início de incêndio nas estruturas do hospital.

A Secretaria da Administração Penitenciária determinou a instauração de sindicância para apurar a rebelião.

Continua após a publicidade
Publicidade